1- O que?

 

Proteína de Soro, como o próprio nome já apresenta, a Whey Protein é a proteína que é retirada do leite durante a aplicação do método de transformação do leite em queijo.

 

A alguns anos, após o leite ser coalhado, o resultado desse método de transformação era um liquido claro, que geralmente era jogado fora, com o passar do tempo foi descoberto que esse liquido possuía um conjunto significativo de proteínas e assim se formava um suplemento com grande pureza, que poderia ser absorvido muito facilmente pelo organismo.

 

2- Quem deve tomar?

 

Com a função de contribuir para o ganho de massa magra, não é correto dar a afirmação de que a pessoa irá engordar, emagrecer ou ganhar músculos tomando a Whey.

 

Em casos diversos, pessoas podem engordar ou emagrecer tomando Whey. O que irá definir o resultado final é a alimentação, pois a proteína de soro de leite  ( Whey Protein) é um suplemento alimentar e como o próprio nome já nos expõe a ideia, ela vem para suprir alguma falta ou déficit alimentar. Por isso, ela não deve ser considerada um remédio milagroso.

 

É interessante o acompanhamento de um profissional para que seja feito o cálculo de nosso gasto calórico, de treino e controle alimentar adequados, juntamente com exames que indicam as necessidades presentes no corpo.

 

 

3- Quando tomar?

 

A depender de fatores pessoais, como dieta, treino, trabalho entre outros, o horário ideal para se tomar a Whey pode variar, sendo após o treino, antes, durante ou mesmo no momento no qual você acorda. Isso porque em todos os casos, ocorrerá a síntese proteica e aminoácidos ingeridos vão contribuir para a reposição dos que estão em falta, assim, afim de evitar o catabolismo muscular que pode ocorrer devido ao tempo sem a ingestão de alimentos ou mesmo treinos e rotinas intensas, a Whey é ingerida.

 

Resumidamente, sua alimentação será responsável por direcionar o momento certo de tomar a Whey.

 

4- Quanto tomar?

 

A Whey Protein tem a principal função de contribuir para o ganho de massa muscular, também chamada de massa magra.

 

Ao que se refere a dose, devemos pensar que nós humanos somos diferentes, sendo assim, o que muitas vezes funciona para um não quer dizer que necessariamente irá funcionar para outro, veja:

 

Temos rotinas diárias diferentes, logo nosso gasto calórico não será o mesmo;

 

Temos variações de idades, então com o passar dos anos o percentual de massa muscular em nossos corpos diminui;

 

Variações hormonais, temos de ter atenção a como estão nossos níveis hormonais. Existem pessoas que possuem alterações hormonais que podem fazer com que aminoácidos se transformem facilmente em glicose, isso afetaria o ganho de massa muscular.

 

Apesar destes pontos visualizados, como referência, existem informações de que o ideal seria tomar 20g de Whey após o treino, mas lembre-se de que isto não é uma regra, segundo alguns especialistas o ideal seria a ingestão de 1 a 1,4 gramas de proteína por quilo de peso por dia, então novamente o que vale é você considerar sua alimentação.

 

Fontes:

 

http://www.abenutri.org/suplementos-alimentares-servem-para-suprir-necessidades-nutricionais/

 

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19056590

 

https://www.hospitalsiriolibanes.org.br/sua-saude/Paginas/por-que-nao-consigo-emagrecer-que-pode-estar-por-tras-ganho-peso.aspx

 

http://rodolfoperes.com.br/preciso-ir-ao-nutricionista/

 

https://veja.abril.com.br/saude/whey-protein-saiba-quando-o-suplemento-faz-mal-a-saude/

 

Anuncie